siga por e-mail

segunda-feira, 2 de abril de 2012

“Ás vezes te odeio por quase um segundo, depois te amo mais.” — Cazuza

Nenhum comentário:

Postar um comentário